Pequena Cronologia dos conflitos entre Israel e a Palestina.

Uma pequena Cronologia dos conflitos entre israelenses e palestinos.

Maio de 1948: É formado o estado de Israel. Pelos menos 700 mil palestinos fogem ou são expulsos de suas casas.

1956: Israel invade a Faixa de Gaza e o Sinai.

1967: Israel ocupa a Cisjordânia, o leste de Jerusalém e as Colinas de Golã na Guerra dos Seis Dias.

1972: Palestinos matam 11 israelenses nas Olimpíadas de Munique.

1973:Começa a guerra do Yom Kippur. Israel repele os exércitos de Egito e Síria.

1979: O presidente do Egito, Anwar Sadat, se reúne com o primeiro-ministro de Israel, Menahem Begin, e o presidente americano, Jimmy Carter, na Casa Branca. É assinado o primeiro acordo.

1982: Israel devolve o Sinai ao Egito e invade o Líbano. Centenas de civis são massacrados nos campos de Sabra e Shatila em Beirute por milícias cristãs libanesas.

1987: Começa a primeira Intifada, levante palestino em territórios ocupados. Cerca de 400 israelenses e 1.500 palestinos morrem em 6 anos.

1988: A Organização para Libertação da Palestina, sob comando de Yasser Arafat, propõe criar um Estado palestino em paz com Israel.

1993: O primeiro-ministro israelense, Yitzhak Rabin, e Arafat apertam as mãos nos Acordos de Oslo, que limitaram a autonomia palestina.

1994: Israel assina um tratado de paz com a Jordânia.

2000: Fracassam negociações para devolução das Colinas de Golã. Israel sai do sul do Líbano. A reunião de Camp David com Arafat e Ehud Barack fracassa. Começa a segunda intifada.

2004: Arafat morre e Mahmud Abbas, da Fatah, assume a presidência da Autoridade Palestina.

2005: Israel retira suas tropas e colonos de Gaza.

2006: O Hamas vence as eleições parlamentares. Começa a guerra no Líbano, depois que militantes do Hezbollah capturaram dois soldados israelenses. Israel contra-ataca. Em 34 dias de combates, 1.100 pessoas morrem no Líbano e 154 em Israel.

2007: O Hamas derrota os seguidores de Abbas numa semana de combates em Gaza.

2008: O Hamas aceita cessar-fogo com Israel em junho, e passam-se seis meses de relativa calma. Bloqueio israelense à Faixa de Gaza aumenta. Em dezembro, o Hamas lança foguetes sobre Israel.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s