Sociólogo Alain Touraine faz análise do processo de globalização

Alain Touraine foi um dos primeiros a enxergar o processo de globalização

Tentar fazer uma lista hipotética dos pensadores mais importantes da segunda metade do século XX pode ser tão extensa quanto inglória. Porém, o nome do sociólogo francês Alain Touraine certamente estará nela.

Criador do conceito de “sociedade pós-industrial”, que caracteriza a substituição de uma economia baseada no setor industrial para outra em que o setor de serviços tem um peso maior, Touraine foi dos primeiros intelectuais a exercer um olhar crítico sobre os processos de privatização, internacionalização do capital, liberalismo econômico, mudanças sociais – tudo aquilo que seria chamado, décadas depois, de “globalização”.

Touraine se tornou um dos papas da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais, onde fundou o Centro de Estudos dos Movimentos Sociais, e para onde convergem cientistas sociais não apenas da França. Foi professor de várias gerações de intelectuais, inclusive brasileiros. É observador atento do que se passa no Brasil. Em sua visita mais recente, fez críticas ao sistema político brasileiro, mas se mostrou otimista em relação ao futuro do país. Aos 85 anos, o professor Alain Touraine é lúcido, franco e gentil. Ele recebeu a repórter Leila Sterenberg no Rio de Janeiro para uma entrevista. Confira em vídeo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s